8 de nov de 2011

O GATO DE NOVE CAUDAS

Marcel Moreno

O Gato de 9 caudas (1971) é mais um belíssimo filme do gênero Giallo feito por Dario Argento. Toda a trama envolvendo um projeto de genética é envolvida em uma série de assassinatos que é investigado por um repórter e um jornalista aposentado. As nove pistas que vão sendo descobertas ao longo do filme, vão dando um caminho diferente para o filme e seus personagens. Até que se descubra de fato quem é o vilão da história, são os efeitos maravilhosos do filme que vão prendendo a atenção do publico enquanto o assassino continua solto.

              Os personagens e as interpretações do filme não são nada diferentes do que vemos hoje, deixando a desejar em algumas situações. As cenas ao longo do filme são boas por suas imagens, mas nada fora do comum. As jogadas das câmeras, as sombras e posicionamentos dos personagens, é algo realmente muito bem trabalhado e pensando no filme, que ajudam na modelagem do mistério do caso. Com certeza a sequência de perseguições e as falsas tentativas de mostrar o verdadeiro assassino foi um grande inspirador para muitos filmes - nem sempre de boa qualidade

- como Pânico (1996) ou Eu sei o Que Você Fizeram no Verão Passado (1997). A personagem Morsella da o toque de sensualidade no filme com suas roupas modernas e sexy a La Sophia Loren. E o repórter que está longe de ser realmente o galã como Marcello Mastroianni, cumpre bem o seu papel.

              A trilha sonora merece um papel de destaque, pois mesmo simples é importantíssima. É ela que da o toque todo especial as cenas do filme, causadora de sensações e expectativas para quem assiste. Músicas de terror e gritos de dor e de aflição podem ser vistos no filme e como forma de impressionar o público através do som.

              Contundo, no final do filme o assassino é descoberto sem muita surpresa, visto que ele estava entre as suspeitas, mas são as emoções que tornam o final arrepiante. Alias este Giallo poderia facilmente se chamar O Gato dos 9 Sentimentos ou O Gato das 9 Sensações, porque conforme a película avança, sensações que vão de comédia, drama, terror e até horror, podem ser sentidas pelo telespectador que se surpreende a cada instante com cenas ótimas e músicas que dão um toque especial a elas. Essa junção de fotografia, trilha sonora e boas idéias do roteiro que fazem deste filme uma obra de arte que deve ser valorizada por suas boas lições aos cinemas atuais.

Texto originalmente feito para o site Cinebulição
http://cinebuli.blogspot.com/2011/11/o-gato-de-9-caudas.html

Título original: Il gatto a nove code
Título no Brasil: O gato de nove caudas
Ano de lançamento: 1971
Dirigido por: Dario Argento

Nenhum comentário:

Postar um comentário